quarta-feira, 11 de novembro de 2009

...nos trilhos de Castelo Branco...

Era dia de São Martinho.
..."dia de São Martinho, vai à adega e prova o vinho"...
Pois é, mas vinho, esse só mesmo à tarde com umas castanhitas bem quentinhas oferecidas pelo serviço, e que bem souberam...
Nesta manhã, soberba para a prática de qualquer desporto, o BTT nosso favorito, arrancámos de Castelo Branco três "mosqueteiros"; O Afonso, o Sérgio e o Pinto, o Infante.
Ah bem ditas 4ªs Feiras estas.
Trilho combinado com colegas de profissão lá para os lados da serra das Olelas. Agora, e daqui para a frente vou "invadir" e conhecer melhor este lado da Beira, visto me encontrar em Castelo Branco a Trabalhar.
Assim, e tudo certo na véspera com estes colegas decidimos ir em busca da serra das Olelas, local de minha curiosidade, visto nos tempos de outrora frequentar ali bem perto a "adega da Represa". Quem não se lembra...E as febras pá???
O tempo. Esse, estava digno de a malta esquecer o trabalho e vamos embora todo o dia nisto, mas...Que belo dia para a prática da modalidade...Saída pelo Sul de Castelo Branco, direcção aos Maxiais, entrando de seguida nesta serra.Nunca aqui tinha vindo de bike, o que trouxe ainda maior prazer...Depois desta visita, a tal adega, em que se os Deuses falassem e me vissem alí de bike, talvez levasse uma rodada de maluco...
Alegria por um lado, tristeza por outro...tudo abandonado...enfim...
Apontem a passagem para a outra margem. Foi isso mesmo, atravessar a IP2 e A23 para o outro lado, onde se seguiam alguns majestosos trilhos e bredas que já tinha percorrido com a malta de Castelo Branco. Poucos Kms mais à frente e aqui já à descoberta de novos trilhos veio então uma terra chamada Benquerença(linda), mais à frente uma Aldeia deserta que não consegui ver o nome, onde de seguida deparamo-nos com uns singles, e que singles...aquela minha paixão...
Grande leque de becos e bem bonitos existem por alí.
Um senão, sobe e desce, sobe e desce, uuff
Castelo Branco à vista e, há mesmo muitos anos que não passava na barragem da Talagueira. Deveras bela volta, onde um pouco orientados pelo Afonso e Sérgio, outrora à descoberta, realizamos uma volta digna de invasão, pelos trilhos destas bandas.Chegada então a Castelo Branco pela nova zona de laser das piscinas, onde um grande aparato se passava por lá!!!
O que seria???!!!
Imagine-se; Domingo 8 de Novembro, saída do Estoril, passagem pela Lousã, Castelo Branco e direcção ao Baleal/Peniche, chegando estes aqui dia15 deste mês, perfazendo um total de 900 Kms, segundo a Organização.
Valia tudo:
Bicicleta, patins em linha, triciclos e até a pé..."anda aí cada um...isto a nível internacional.E pronto, foi uma 4ª Feira de 40 e poucos Kms, onde consegui andar cerca de 1 Km em terreno conhecido. Belo...4ª Feira há mais.
Já agora amigo Fidalgo as melhoras para o teu filhote.
Pinto Infante
...sem travões...

1 comentário:

Abílio disse...

Obrigado, pela parte que me toca. Não tardará muito e estará ao nosso lado a pedalar. Ao nosso lado, isto é como quem diz, se nós nos aguentarmos.Ehehehehe!!!!!!!!